Papai Noel Tricolor visita creche comunitária

A creche comunitária  Pé de Pilão, mais uma vez, recebeu a visita do Papai Noel Tricolor. A ação ocorreu no último sábado (17/12) e foi promovida pelo Grêmio Independente que, desde 2013, é parceiro do projeto localizado na Associação Mario Quintana, no bairro Navegantes, zona norte de Porto Alegre. Na ocasião, cerca de 500 crianças ganharam presentes, participaram de brincadeiras e receberam lanches.

foto-4-5 foto-3-5 foto-5-2 img_2195_1024 foto-2-5

 

GI renova conselheiros para o CD do Grêmio

14480728_550657125127035_7326246847338673031_o

A Chapa3, a qual o Grêmio Independente fez parte, elegeu 35 conselheiros e sete suplentes na renovação do Conselho Deliberativo do Grêmio, com 1.280 votos (19,86%). O resultado mostra o desejo que o sócio tem pelo retorno de um Grêmio vencedor, em busca de títulos e grandes vitórias.

Junto com o GI, a chapa foi formada pelos grupos: Grêmio Vencedor, Nação Tricolor, Sócios Livres e Grêmio Novo. Além disso, lutamos contra o “uso da máquina” por parte da Chapa de situação, que ao longo da eleição resultou em três advertências por parte da Comissão Eleitoral.

Das quatro chapas que disputaram as eleições, três totalizaram 53,26% dos votos, contra 46,74% da única chapa da situação, personificada na imagem do Presidente Romildo Bolzan Júnior.

O descontentamento com os resultados dentro de campo e com a falta de planejamento para o departamento de futebol causaram a desmobilização da torcida. Dentre os 39 mil associados aptos a votar, apenas 6.455 participaram da eleição (1.902 votos presenciais e 4.553 votos pela internet), representando uma abstenção de 84%.

Nesta eleição, foram eleitos 150 novos conselheiros (mais 30 suplentes) que representam 50% do Conselho Deliberativo do Grêmio e farão parte do colegiado até 2022. Eles assumem as funções imediatamente e já estão aptos a participar das próximas eleições, que definirão a Presidência do Conselho e do Clube.

+Gremio: GI e outros quatro grupos se unem para a eleição do Conselho Deliberativo

Mais Grêmio

Grêmio Independente e outros quatro grupos – Nação Tricolor, SóciosLivres, Grêmio Novo e Grêmio Vencedor – uniram forças e montaram a chapa + Grêmio para disputar a eleição para o Conselho Deliberativo, marcada para o dia 24 de setembro.

::: Conheça as nossas propostas

Juntos, os grupos somam dedicação, profissionalismo e amor para o resgate dos TÍTULOS do nosso Grêmio e representam a renovação com qualidade e a pacificação política em prol do Grêmio.

O foco da + Grêmio é no futebol, queremos que o Tricolor retome sua fase de ouro e traga novos títulos. Além da valorização dos sócios, tratamento diferenciado para quem está no interior e exterior e participação mais ativa do Conselho Deliberativo na fiscalização e cobrança da gestão.

O voto poderá ser feito tanto pela internet, como presencialmente na Arena, no dia 24, das 10h às 17h. Quem optar pelo voto pela web, precisa ficar de olho no prazo para validar o seu nome. Dia 08/09 é último dia para a validação.

—–> Preparamos um passo-a-passo para te ajudar a validar seu voto! 

A eleição do Conselho Deliberativo escolherá 150 membros efetivos e 30 suplentes para o período de 2016/2022.  O seu voto é fundamental para ajudarmos o nosso Tricolor a voltar a sua era de ouro.

Quem poderá votar?

Votam os sócios maiores de 16 anos, pertencentes ao quadro social há mais de 2 anos e com pagamentos em dia até 31 de julho de 2016.

Atenção: Não esqueça que é preciso estar com o cadastro atualizado no quadro social, e ele pode ser feito no site socio.gremio.net ou na Central de Atendimento na Arena do Grêmio.

 

 

 

 

 

Eleição para o CD é assunto da reunião mensal do Grêmio Independente

Eleição para o CD é assunto da reunião mensal do Grêmio Independente

Os membros do Grêmio Independente (GI) reuniram-se na noite de segunda-feira, em sua reunião mensal, para tratar de diversos assuntos do Tricolor, entre eles, a eleição do Conselho Deliberativo (CD), marcada para 24 de setembro, e os preparativos para a campanha.

Nesta eleição, serão escolhidos 150 membros efetivos e 30 suplentes para o CD, que trabalharão pelo clube até 2022.

O voto poderá ser feito pela internet ou na urna instalada na Arena, portão A, entre 10h e 17h. Já quem preferir votar pela internet precisa conferir seus dados neste site antes da votação: www.gremioeleicoes2016.com.br. A segurança da votação pela internet é garantida pela Procergs.

Quem pode votar:
Sócios com mais de 16 anos, que pertencem ao quadro social há mais de 2 anos e com pagamento em dia até 31/06. É preciso que o sócio esteja com o cadastro atualizado no Quadro, e pode ser feita pelo site socio.gremio.net ou na Central de Atendimento na Arena do Grêmio.

#Grêmio Independente #Grêmio #Tricolor

Grêmio Independente pede informações sobre a Arena, e direção promete enviar documentos ao Conselho

Arena do Grêmio - Foto : Manuela Brandolff / Palácio Piratini

Foto : Manuela Brandolff / Palácio Piratini

Mais de 180 conselheiros reuniram-se na noite de terça-feira (28) no Conselho Deliberativo (CD) do Grêmio, a fim de ouvir a direção do clube sobre o andamento das negociações da Arena.

Na reunião, após questionamentos técnicos de representantes do Grêmio Independente, a diretoria se comprometeu a submeter ao Conselho e suas instâncias toda a documentação pertinente ao negócio, uma vez concluída a atual fase de negociações.

O encontro foi convocado a partir de requerimento assinado por mais de 50 conselheiros ligados ao Grêmio Independente, Nação Tricolor, Sócios Livres e Grêmio Novo. O objetivo era buscar mais informações sobre o processo de compra da Arena, ainda não concluído.

Limitado por alegada confidencialidade, o presidente do Grêmio e o executivo-chefe do clube (CEO) apresentaram informações gerais sobre o andamento das negociações que, segundo a direção, dependem ainda de “pequenas alterações” em documentos entre as várias partes envolvidas.

A partir das dezenas de indagações de conselheiros, pela extrema complexidade do negócio e da operação da Arena, ficou claro que o sucesso de uma gestão gremista da Arena dependerá da capacidade do clube em gerar novos ganhos financeiros a partir de associados, torcedores e parceiros comerciais, revertendo tendência de queda anual e contínua de receitas registrada desde 2012.

 

GI levantou mais de 20 questões sobre o negócio e a operação da Arena

O Grêmio Independente teve importante contribuição na reunião, na sua convocação e pela participação de muitos dos seus conselheiros que se revezaram como oradores no plenário do Conselho. Pautado pela organização, postura propositiva e abordagem técnica dos temas, o Grêmio Independente formulou mais de 20 questões relacionadas ao negócio e à operação da Arena hoje nos jogos.

Conselheiros do Grêmio Independente questionaram sobre os riscos do negócio pelas medidas compensatórias ambientais, acerca da estratégia jurídica em caso de não conclusão do negócio, ainda sobre a adequação do quadro funcional com a gestão sob o Grêmio e a respeito do atual estágio de implantação do plano de transição contratado junto à consultoria PwC. Outros pontos abordados: plano de negócios, atuais conselhos da Arena e condições de juros no financiamento com outros aspectos financeiros do negócio.

Muitas outras dúvidas foram apresentadas por conselheiros do Grêmio Independente, várias delas recorrentes na torcida e cobradas permanentemente pelos associados e torcedores, como política de ingressos e bilheterias, estacionamento, mobilidade urbana, exploração da esplanada, matchday, iluminação do estádio à noite etc.

A aquisição definitiva da Arena será, sem dúvida, um marco na história do clube, e o Grêmio Independente seguirá atuante para que os gremistas sejam beneficiados e possam obter os maiores ganhos com a sonhada aquisição da gestão do estádio como nossa casa.

Artigo Grêmio Independente – Entorno da Arena

282624_601474_mgi_doacoes__29_O ano de 2012 estava próximo do fim e as expectativas dos gremistas iniciavam porque logo a nação azul teria uma nova Arena a sua disposição. Expectativa, nervosismo, orgulho, paixão e saudade, afinal o Estádio Olímpico de tantas glórias, ficaria para trás. Os membros do também estavam neste misto de expectativa e medo do desconhecido. O bairro Farrapos carregava uma fama de pobreza, de que não havia infraestrutura ideal e muitos o qualificavam como um local perigoso. Isso não impediu que fôssemos em busca de uma nova casa para abrigar o grupo e assim surgiu a sede do GI, localizada em frente a Arena.

Já nos primeiros dias era visível a curiosidade que despertávamos junto aos moradores do bairro que, a toda hora se aproximavam e formulavam todo tipo de pergunta sobre o que fazia o GI? Quem seriam as pessoas?

O bom de todo este processo foi a descoberta do quanto as pessoas eram simpáticas e tudo faziam para que nos sentíssemos em casa. Queriam nos ajudar, nos introduzir na comunidade, se mostrarem úteis e, talvez sabedores da fama do bairro, abriram suas casas e dedicaram seu tempo para nos abraçar. Todo este carinho e acolhimento deveria ser compensado de alguma forma, o que nos levou, já na primeira data festiva (Páscoa) a buscar/arrecadar doações para a comunidade. Foi aí que descobrimos a existência da creche Pé de Pilão que de imediato adotamos.

Ajudamos um grupo de mais de 100 crianças, de 1 a 11 anos de idade, que vivem em tempo integral numa creche/ escola cujos pais não tem condições de sustento. É recompensador ver a alegria deles quando levamos doações pois sabem que terão, pelo menos por um tempo, leite, arroz, feijão, massa, bolachas para o lanche, brinquedos e roupas. Esta é a maior realização, sem dúvida. Quando nos deparamos com uma situação igual a que vivem estas crianças e as ouvimos, esquecemos qualquer outra coisa, mas ficam algumas observações a respeito. Nos dias de jogos, quando abrimos a sede, aos poucos, algumas crianças vão se aproximando e perguntando quando terá mais doações. Contam como usam os brinquedos recebidos, como gostaram das bolachas e biscoitos que comem, quando vamos levar doces e contam suas histórias familiares. A partir daí passamos a viver o pré-jogo de um jeito diferente.

A Arena levou ao bairro Farrapos (todos detestam que o chamem de Humaitá) muita alegria e realização. Basta ver a quantidade de novas fachadas de alvenaria nas casas, observar as casas novas que surgiram, o cuidado que eles tem em manter os locais limpos e livres de vândalos, a quantidade de mercadinhos e bares que surgiram, alguns, inclusive, funcionando em tempo integral e não somente em dias de jogos. Bom é ver a mudança para melhor em suas vidas e a expectativa e esperança no futuro, principalmente depois da conclusão das obras de infraestrutura que ainda são aguardadas.

Integrante do Grêmio Independente – João Simioni

Artigo MGI – Fórum dos Movimentos

281560_599486_marcelo_matusiak__12_O Fórum de Debates do Conselho Deliberativo do Grêmio teve suas primeiras reuniões em 2012, por sugestão de diversos grupos políticos ao então presidente do Conselho Deliberativo, Raul Régis de Freitas Lima. Naquele momento, em que a tensão política entre os movimentos políticos era grande, reuniões para discussão de posicionamentos acerca do futuro do clube e de premissas básicas para seu crescimento foram muito salutares – reduzindo internamente as rusgas provenientes dos embates políticos oriundos das eleições.

Naquele momento, foi possível perceber que o posicionamento dos grupos políticos não eram muito distantes entre si – uma vez que várias das propostas eram similares ou mesmo coincidentes. À época, usava uma frase para definir o início do Fórum: “não precisamos comer todos no mesmo prato, mas podemos sentar à mesma mesa para almoçar”. Uma paixão unia a todos ali – e tratar como adversários aqueles que não necessariamente estavam alinhados com sua posição política não seria o mais correto. Como resultado do Fórum, foi feita uma consolidação das diversas propostas para que fossem utilizadas no futuro pelos presidentes eleitos do Grêmio.

Após a passagem dos episódios eleitorais de 2012, o agora presidente do Conselho Deliberativo, Milton Camargo, propôs em 2014 a retomada das reuniões do Fórum – desta vez com o foco específico de avaliar os diversos postulados do Estatuto Social vigente para a sua adequação ao entendimento das diversas vertentes políticas do clube. Com sucesso, tanto em 2014 quanto em 2015 o Fórum voltou a reunir-se para, em conjunto, trabalhar nas reformas estatutárias – ajudando a efetivar as promessas de campanha dos movimentos na eleição de 2013. Desses trabalhos, já foram modificados o tamanho do mandato do presidente do clube (de dois para três anos), regradas as condições de participação nas eleições (ficha limpa) e a adequação estatutária ao Profut, entre outras importantes modificações na vida política do Grêmio.

Diante do cenário político conturbado brasileiro, posso afirmar que a experiência do Fórum de Debates demonstra que é possível chegar a acordos sem atitudes espúrias – diferentemente do que vemos em outros contextos. Agregar avanços em conjunto – e de forma consensual, como vem sendo atualmente – é possível sem que se firam convicções, todos no mesmo sentido: fortalecer a instituição.

Diretor do Movimento Grêmio Independente, Jeferson Thomas.

Comunicado sobre o novo adiamento da demonstração de contas

Os movimentos que representam a Frente Pelo Grêmio vêm, por meio deste comunicado, manifestar seu descontentamento com o segundo adiamento da demonstração de contas do exercício do primeiro trimestre de 2016.

O prazo determinado no estatuto, até o final do mês de abril, já não havia sido cumprido pelo Conselho de Administração, tendo sido solicitado adiamento para o dia 31 de maio, justificado pela migração do sistema de gestão para o novo da SAP, que precisaria de ajustes motivadas por pequenas dificuldades na transição.

O fato da gestão atual do clube ter novamente solicitado adiamento preocupa, pois parece demonstrar falta de controle pleno do projeto e, tão importante quanto isso, a desconsideração com os prazos legais e estatutários, cumpridos nos últimos anos por todas as gestões. Inclusive, com a dedicação do Conselho Fiscal e Comissões do Conselho Deliberativo, que apresentam seus pareceres sobre a situação, para entregar elas em tempo hábil, apesar de muitas vezes o tempo ser restrito.

Se o sistema novo não está totalmente implementado e pronto para funcionar e fornecer os dados e relatórios gerenciais aos gestores, Conselho de Administração e Conselho Deliberativo, seria coerente ter o sistema antigo ainda funcionando plenamente, com as informações necessárias garantidas, sem qualquer prejuízo ao Clube.

Lamentamos que isso esteja ocorrendo, e que chegando no último mês do primeiro semestre, os Conselheiros ainda não puderam realizar sua função de fiscalizar a gestão e avaliar o desempenho realizado pela gestão nos primeiros 3 meses do ano, prejudicando a transparência exercida neste sentido nas gestões anteriores.

Por fim, esperamos que este fato seja uma exceção, e que as demonstrações financeiras em breve sejam disponibilizadas, com os reais resultados, como é tradição dessa instituição.

Frente Pelo Grêmio
Movimento Grêmio Novo
Movimento Grêmio Independente
Movimento Nação Tricolor
Sócios Livres, Grêmio de Todos

Integrantes do Grêmio Independente debatem alterações estatutárias do Grêmio

282058_599485_marcelo_matusiak__19_As alterações estatutárias estão sendo debatidas através do Fórum dos Movimentos, que possui a participação de diversos integrantes do MGI. Para que o resultado do debate no grupo se tornasse mais efetivo, foram reunidas 23 propostas e elencadas as 10 mais importantes para serem discutidas entre os diferentes grupos políticos.

Os temas foram divididos em blocos. Uma das comissões trata das demandas que dizem respeito à parte financeira e de relacionamento com o associado, onde são discutidas propostas sobre a regulação de assinatura de contratos com vencimento posterior ao mandato. Outro tema em debate é a antecipação de receitas de gestões futuras. Além disso, há a discussão de criação do portal de transparência e a regulação da apresentação pela gestão de um plano de metas ao início de cada ano de sua gestão.

O outro grupo trata de assuntos relacionados à regulação de diversos assuntos relacionados às eleições do clube, como a proposta de vedação do acúmulo do cargo de presidente do clube com cargos públicos eletivos. A segunda proposta é a apresentação de relatório trimestral pelas comissões. Ainda fazem parte da pauta desta comissão a adequação do estatuto a Lei da Ficha Limpa e a redução da cláusula de barreira para eleição do Conselho de Administração.

O Fórum dos Movimentos teve suas atividades retomadas em março de 2014. O objetivo é promover a discussão técnica pelos movimentos de diversos assuntos relevantes que interessam ao Conselho Deliberativo e à gestão do Grêmio.